Catha Edulis - Khat - Muda com 8 meses

Disponibilidade: Em estoque

R$290,00
Catha Edulis - Khat - Muda com 8 meses

Mais Visualizações

Detalhes

ESCOLHER FRETE SEDEX

Enviamos 1 muda de Catha Edulis com 8 meses de idade...

MAIS INFORMAÇÕES

KHAT
Catha edulis

O khat vem sendo cultivado para o uso como estimulante por séculos no Chifre da África e na península Arábica. Lá, o hábito de mascar o khat é mais antigo que o hábito do café, e é utilizado num contexto social similar. Suas folhas frescas são mascadas ou, mais raramente, secas e consumidas na forma de um chá, para atingir um estado de euforia e estímulo; o khat também tem efeitos colaterais anorexígenos. Seu uso não foi inibido pela religião, embora a Igreja Ortodoxa Etíope (juntamente com sua equivalente da Eritréia) tenha proibido os cristãos de usá-lo por seus efeitos estimulantes.


As origens do khat são controversas. Alguns acreditam que a sua origem esteja na Etiópia, de onde ela teria se espalhado até as terras altas da África Oriental e do Iêmen. Outros acreditam que o contrário teria ocorrido, que o khat teria se originado no Iêmen antes de se espalhar para a Etiópia e os países vizinhos. Segundo Sir Richard Burton, o khat teria sido introduzido no Iêmen por etíopes no século XV.


É um arbusto ou pequena árvore que cresce lentamente, até atingir entre 1,5 e 4 metros de altura, dependendo da região e da pluviosidade, com folhas persistentes de 5 a 10 centímetros de comprimento e 4 de largura.


O efeito estimulante da planta foi atribuído originalmente à catina, um tipo de fenetilamina isolado da planta. Esta atribuição foi, no entanto, refutada por estudos que mostravam que os extratos retirados das folhas frescas continham outra substância, muito mais ativa do que a catina. Em 1975, um alcalóide aparentado, a catinona, foi isolado, e a sua configuração absoluta foi estabelecida em 1978.

Rápido guia de cultivo

Solo, local e informações de cultivo:

 

  • Humidade: média-alta.
  • Temperatura: 10-30˚C.
  • Luz: sol pleno a sol parcial.
  • Solo: qualquer substrato que tenha boa drenagem é suficiente. Se seu substrato não tiver muita aeração, deve incluir areia, perlita, vermiculita ou turfa.
  • pH do solo: 5.5 a 7.5
  • Irrigação: irrigue 2 a 3 vezes por semana, ou quando sentir que o solo está muito seco. Diminua no inverno.
  • Para ser plantada em pequenos vasos e exteriores.
  • Sempre use vasos com furos e argila expandida no fundo para ajudar na drenagem.
  • FICHA TÉCNICA


    Nomes comuns Khat, Quat, Qat, Miraa
    Família Celastraceae
    Origem Etiópia

Tags do Produto